Atualmente existem tantas ferramentas gratuitas para criação e desenvolvimento de sites institucionais, blogs ou sites de comércio eletrônico que em uma análise superficial parece que as empresas que oferecem estes serviços irão desaparecer.

Muito ao contrário desta afirmação, o fato é que todos os dias aparecem novas empresas desenvolvedoras de sites, porque a tecnologia se transforma tão rapidamente e novos conceitos aparecem da noite para o dia, que criar o site é apenas uma etapa dentre as diversas que você precisa estar atento. Por isso a parceria com estas empresas se torna cada vez mais necessária.

Neste artigo nós queremos compartilhar de uma forma clara e objetiva, 6 dicas de como analisar uma proposta de desenvolvimento de sites para que ela possa trazer um ótimo retorno de investimento para sua empresa. Este modelo de proposta não tem a pretensão de esgotar o assunto, mas com certeza fornece uma visão bem detalhada do que é importante no desenvolvimento de sites.

1. Planejamento estratégico

Uma das primeiras ações em um projeto para prestação de serviços de desenvolvimento de website deve ser o Planejamento Estratégico em conjunto com o cliente. Este é o momento em que a empresa conta toda sua trajetória, como a empresa surgiu, quais foram suas dificuldades no passado, quais são suas dificuldades no presente e o que se espera para o futuro a curto, médio e longo prazo.

Planejamento Estratégico deve ser realizado com muito cuidado para que os resultados esperados possam ser atingidos com mais tranquilidade e assertividade. Acompanhe algumas dicas para organização desta etapa:

Estudo dos produtos da empresa

Para qualquer vendedor de uma empresa é fundamental que ele conheça profundamente os produtos e serviços que esteja comercializando, pois no momento em que o cliente questionar sobre algum detalhe destes produtos ou serviços ele deve estar seguro e pronto para esclarecer todas as dúvidas e criar uma boa primeira impressão.

A página de um site institucional também segue o mesmo conceito, com a diferença de que o texto escrito deve ser bem esclarecedor, pois o vendedor não estará lá para tirar as dúvidas e os clientes podem preferir buscar outros que mostrem claramente uma solução para os seus problemas. Desta forma, o conhecimento dos produtos e serviços facilitará na criação de um conteúdo que seja mais atraente e gerador de oportunidades.

Definição de personas

Na maioria dos casos, as empresas criam seu site para atingir um determinado público-alvo. Este público-alvo têm suas características específicas, seu comportamento, suas preferências e poder aquisitivo.

Definir a forma como este público-alvo interage na internet e redes sociais levando em conta todas as caraceterísticas citadas anteriormente é fundamental para entendê-lo e facilitar a identificação do conteúdo necessário para atrair sua atenção para o site.

Análise dos concorrentes diretos

Você já percebeu que quando as pessoas descobrem algo interessante, principalmente os amigos, como uma promoção, seja de um celular, uma televisão, um plano de músicas ou filmes na TV, a tendência é que elas compartilhem em seu círculo de amigos e familiares, potencializando os benefícios para um maior número de pessoas?

Bom, este conceito não se aplica aos seus concorrentes, nenhum deles irá bater na sua porta para lhe trazer a fórmula do sucesso. Mas, analisando seu comportamento na Internet e Redes Sociais é possível ter alguma ideia do que está dando certo ou errado para eles. Utilizar estas informações na estratégia para elaboração e criação do site também é uma ótima ideia e deve ser um ponto de atenção na proposta de desenvolvimento do site.

Análise de oportunidades não trabalhadas

Você já ouviu falar da estratégia do Oceano Azul? Basicamente é um estudo realizado por mais de uma década que ao término demonstra que as empresas estão em um Oceano Vermelho concorrendo arduamente para conquistar novos clientes e mercados, mas para obter o sucesso no futuro, ou talvez já no presente, as empresas deverão buscar o Oceano Azul, ou seja buscar oportunidades existentes mas ainda não trabalhadas, inovar, saber ouvir e identificar as novas demandas dos clientes atuais ou novos.

A proposta de desenvolvimento de sites também deve considerar trabalhar estes mercados ainda não explorados, identificar palavras-chaves específicas que possuam baixa concorrência em termos de conteúdo e o Google oferece uma infinidade de ferramentas que possibilitam fazer este tipo de análise.

2. Design e Conteúdo

A construção de um site envolve diversos conceitos que devem ser trabalhados já no início do projeto porque o retrabalho é sempre um custo alto e desnecessário. O design e o conteúdo são a porta de entrada para sua empresa e precisam impactar positivamente o visitante no primeiro contato.

Os principais conceitos nós listamos abaixo:

Site Responsivo

Este é um ponto imprescindível para o projeto, atualmente o celular é mais do que somente um aparelho para fazer e receber ligações, praticamente é um mini computador com recursos avançados e que possibilitam às pessoas realizarem diversos negócios em qualquer lugar que elas estejam. Portanto, saber como criar um site responsivo favorecerá aos seus clientes e irá gerar mais oportunidades de negócios.

Experiência do Usuário

Avaliar este tópico é muito fácil, basicamente temos que levar em conta a experiência que temos quando acessamos outros sites na Internet, o que você faz quando a página está confusa e você não encontra a informação desejada? O que você faz quando a página demora mais do que 5 segundos para carregar? A mesma reação que você têm perante outros sites, os visitantes do seu também terão, por isso a proposta de desenvolvimento deve prever também a análise de imagens, configuração do servidor de hospedagem e todos os fatores que possam afetar positiva ou negativamente a experiência do usuário.

Facilidade de contato

A conveniência para aquisição de produtos e serviços importa muito na captação de leads para o seu negócio, por isso as páginas do site precisam estar preparadas para captar dados do visitante através de um formulário ou facilitar o contato através de um botão que direcione para o seu Whatsapp comercial. Enfim, o usuário chegou até o seu site, é preciso valorizar esta oportunidade.

 

3. Busca orgânica

A busca orgânica é um outro conceito muito discutido nos últimos anos, é uma lógica que os buscadores (Ex. : Google, Bing, Yahoo, entre outros) se utilizam para relacionar as palavras que você informa com as páginas que mais podem esclarecer sobre tais palavras e assim criar uma espécie de rankeamento de páginas de acordo com a nota que cada uma conquistou.

Por isso, a otimização para busca orgânica é um dos fatores mais trabalhados pelas empresas, criando uma concorrência gigantesca para aparecer na primeira posição.